Siga nossa Redes

Sem categoria

Filha de João Alberto afirma que a morte do pai foi motivada por racismo

Redação

Publicado

em

Filha de João Alberto afirma que a morte do pai foi motivada por racismo

Eu senti raiva porque aquilo não se faz com ninguém”, disse a Filha de João Alberto

Na manhã desta segunda-feira (23), quatro diz após o assassinato brutal de João Alberto Silveria Freitas por dois seguranças nas dependências do supermercado Carrefour, em Porto Alegre, a filha mais velha da vítima concedeu entrevista ao programa Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo, e confirmou que a morte do seu pai foi causada pelo racismo .

Thais Freitas, de 22 anos, disse que ficou sabendo do assassinato do pai por meio de uma ligação e que, só depois, viu os vídeos das agressões , que circulavam pelas redes sociais. Durante o programa,  sua filha de 6 anos apareceu no vídeo da entrevista. Thais disse que a menina assistiu aos vídeos e questionou sobre o porquê do seu avô ter sido morto com tanta violência .

“Eu expliquei por cima (para a criança) o que aconteceu. Eu disse que ele foi encontrar a mãezinha dele por conta da nossa cor . A gente não pode ter vergonha da nossa cor, quem tem que ter vergonha é quem não gosta da gente por causa da nossa cor”, disse.

Questionada sobre os sentimentos que teve ao ver as imagens ela respondeu: “eu senti raiva porque aquilo não se faz com ninguém. Mesmo que a pessoa esteja errada. Não precisava de toda aquela agressividade”.

Thais disse já ter sofrido racismo durante a infância, mas revelou que nunca teve essa conversa com o pai. Ela disse temer que a filha venha a sofrer racismo e que não imaginav que a morte causaria tanta repercussão.

“Eu entendo que é pela nossa cor, por sermos negros, mas eu não cheguei a imagunar”, afirmou.

.

.

.

iG

Publicidade

mais lidas