Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Filha confessa participação em assalto ao pai, diz promotora

Publicado

em

Filha confessa participação em assalto ao pai, diz promotora

Segundo polícia, irmãs planejaram assalto ao pai pelo WhatsApp.
Filha mais velha está presa e mais nova foi absolvida pela Vara da Infância.

A segunda audiência no fórum de Guararapes (SP) sobre o assalto a um comerciante da cidade,planejado pelas duas filhas dele pelo aplicativo WhatsApp, terminou no fim da tarde desta terça-feira (4). A filha mais velha, presa desde a época do crime, voltou pela primeira vez à cidade para prestar depoimento e confessou o crime. Ela está presa em Tremembé (SP).

A promotora de Justiça Maria Cristiana Neira disse que a audiência foi importante para esclarecer alguns detalhes do crime. “Ela novamente confessou toda a participação dela e indicou a participação dos demais. Foi importante para delimitar bem a conduta do amigo, que seria funcionário do pai. Da irmã também, que embora efetivamente não deu ordens, sempre participou e estava junto nas reuniões, não se opôs a nada. Ela relatou com detalhes o crime, como sempre fez.”

A jovem chegou ao fórum por volta das 15h30, onde ficou aguardando a audiência que começou às 17h. Ela contou com detalhes o crime para a promotoria.  A audiência durou cerca de uma hora e também outros dois policiais militares deram depoimento. A jovem chegou a chorar em alguns momentos, principalmente após a audiência, quando encontrou os pais, antes de retornar para a penitenciária.

A irmã de 17 anos que também teria participado do crime não foi ouvida. Em setembro, ela foi absolvida pela Vara da Infância. O Ministério Público entrou com recurso contra a decisão.

O caso
O roubo aconteceu no dia 27 de março. A polícia esclareceu que o crime foi arquitetado por duas filhas do comerciante da cidade, uma de 21 e outra de 17 anos. Primeiro, criminosos armados invadiram a casa do comerciante, fizeram ele e as filhas reféns, inclusive uma outra filha dele, de 14 anos. Eles agrediram a vítima com coronhadas e roubaram o dinheiro que estava no cofre da casa.

Segundo a polícia, a quadrilha foi organizada pelas jovens com os assaltantes em um grupo criado no WhatsApp. As principais provas foram encontradas nos celulares delas. De acordo com a polícia, tudo foi combinado entre as duas e os assaltantes por mensagens.

Em uma delas, um dos criminosos diz que se o pai dela atirasse, ele iria atirar também. “A filha mais velha criou o grupo e era a administradora. Por meio de um amigo dela, ela chamou indivíduos com passagem pela polícia e foi combinado assalto na sua própria casa”, afirmou o delegado Alessander Lopes, na época. A polícia acredita que o roubo foi planejado durante 40 dias.

Suspeitas fizeram até um mapa da casa (Foto: Reprodução / TV TEM)

Suspeitas fizeram até um mapa da casa (Foto: Reprodução / TV TEM)

Segundo as investigações, as jovens mandaram fotos do cofre onde o comerciante guardava o dinheiro. Elas também enviaram um mapa da casa, para facilitar a entrada dos assaltantes. Ainda de acordo com a polícia, na noite do crime a filha mais velha chegou a dopar os cães da família para que não fizessem barulho e ainda incentivou violência contra o pai. Durante o roubo o comerciante levou chutes, socos e várias coronhadas na cabeça.

Segundo a polícia, as jovens disseram em depoimento que cometeram o crime porque o pai teria pegado um dinheiro delas que estava em uma poupança e não queria devolver. Parte dos produtos foi recuperada pela polícia. Os assaltantes e a filha mais velha foram indiciados por roubo qualificado e corrupção de menor. Segundo a polícia, o pai negou que tenha pegado dinheiro das filhas.

Uma das conversas entre os suspeitos planejando o crime  (Foto: Reprodução / TV TEM)

Uma das conversas entre os suspeitos planejando o crime (Foto: Reprodução / TV TEM)

Suspeito diz que se precisar vai atirar no pai  (Foto: Reprodução / TV TEM)

Suspeito diz que se precisar vai atirar no pai (Foto: Reprodução / TV TEM)

mais lidas