Siga nossa Redes

Esportes

Favorito em eleição, Casares analisa seis nomes para trabalhar com Muricy no São Paulo

esportes

Publicado

em

Favorito em eleição, Casares analisa seis nomes para trabalhar com Muricy no São Paulo

Raí deve deixar o cargo de diretor executivo de futebol com a chegada da nova diretoria

Seis profissionais aparecem como possíveis nomes para o cargo de diretor executivo de futebol do São Paulo em 2021, caso Julio Casares vença a eleição presidencial deste sábado contra Roberto Natel. O candidato teve maioria na eleição de conselheiros, que escolhem o presidente, e é o favorito a vencer o pleito.

Os nomes analisados são: Rodrigo Caetano (Internacional), Diego Cerri (Bahia), Paulo Pelaipe (Coritiba), André Zanotta (FC Dallas), Jorge Macedo (Ceará) e Rui Costa (hoje sem clube, fez seu último trabalho no Atlético-MG).

Atuais dirigentes do departamento de futebol do São Paulo, Raí e Alexandre Pássaro têm futuro incerto. O ex-jogador possui vínculo até dezembro e não há garantia de que continue até o fim do Brasileirão, em fevereiro. No caso de Pássaro, seguir até o encerramento do torneio é improvável.

A conversa com Rodrigo Caetano foi iniciada há algum tempo. É, portanto, anterior à análise de outros nomes e mais avançada, mas sem uma definição. Ele não deverá renovar contrato com o Internacional, cuja eleição presidencial será na próxima terça-feira. O vínculo vale até o dia 31 de dezembro, e ele não foi procurado pelos candidatos ao pleito do Colorado.

A partir da conversa com Rodrigo Caetano surgiram outras possibilidades. O único com quem houve contato foi André Zanotta, hoje no FC Dallas, dos Estados Unidos. No Brasil, ele passou por Santos, Sport e Grêmio.

O dirigente, porém, renovou recentemente e recebe em dólar, o que poderia ser um entrave pela diferença nas moedas. Rui Costa, Jorge Macedo, Pelaipe e Cerri são nomes analisados.

Embora não confirme, Julio Casares acertou a contratação de Muricy Ramalho como coordenador técnico de futebol. O ex-treinador deixou o cargo de comentarista dos canais Globo para assumir a função, caso Casares vença a eleição.

André Zanotta, dirigente do FC Dallas, é um dos nomes na mesa da chapa de Casares para o São Paulo  — Foto: Reprodução

André Zanotta, dirigente do FC Dallas, é um dos nomes na mesa da chapa de Casares para o São Paulo — Foto: Reprodução

Ainda na hipótese da vitória de Julio Casares, o técnico Fernando Diniz será mantido no cargo de treinador do São Paulo.

Muricy, inclusive, dará respaldo ao treinador e será um elo entre comissão e diretoria. Além de trabalhar no dia a dia do vestiário, a ideia é que o ex-técnico atue na transição de garotos da base ao elenco profissional.

.

.

.

GE – Globo Esporte

Publicidade

mais lidas