Destaque Principal Mundo

“Eu venci”: Trump mantém discurso e cita ‘violações à Constituição’ nas eleições

Redação
Escrito por Redação

Em postagens, presidente norte-americano reclamou que a mídia não deixa sua campanha mostrar os problemas que ocorreram durante o pleito que consagrou Joe Biden

Na madrugada desta segunda-feira (16), o  presidente norte-americano Donald Trump voltou a utilizar as redes sociais para criticar a apuração das eleições e apontar, sem qualquer tipo de provas, uma possível “violação à Constituição”, que, segundo ele, é escondida pela mídia do país.

Pouco antes de escrever, em caixa alta, a frase “eu ganhei as eleições”, em publicação que foi novamente censurada pelo Twitter por conta de contradições com o que é divulgado em mídias internacionais, Trump já havia criticado as redes de “fake news” dos EUA por não lhe darem a oportunidade de mostrar os problemas do pleito.

“Por que a mídia Fake News continuamente assume que Joe Biden ascenderá ao cargo de presidente sem nem mesmo nos deixar mostrar o nosso lado da história, o que nós estamos nos preparando para fazer, de como a nossa grande Constituição foi violada nas eleições de 2020. Ela foi atacada talvez como nunca antes tenha ocorrido”, disparou Trump.

Na sequência, o presidente voltou a afirmar que integrantes do partido Republicano que deveriam acompanhar o processo foram retirados dos locais de apuração e que milhões de votos foram alterados pelo Democratas após o término da votação, pontos que sua campanha ainda não foi capaz de provar .

Por fim, Trump atacou o sistema de votos via correio, dizendo que ele não é bom e nem seguro e que “o mundo está vendo” o que está acontecendo nos EUA: “é nossa responsabilidade proteger a Constituição e não deixar que este resultado falso permaneça”.

.

.

.

iG

Sobre o autor

Redação

Redação

%d blogueiros gostam disto: