Siga nossa Redes

saúde

Em Campinas, Secretário participa de vacinação de profissionais da educação

Redação SP

Publicado

em

Em Campinas, Secretário participa de vacinação de profissionais da educação

Mais de 70 mil trabalhadores da educação já foram imunizados até esta segunda-feira (12)

Depois de acompanhar a vacinação dos profissionais contra COVID-19 na Zona Leste de São Paulo, pela manhã desta segunda-feira (12), o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares, esteve no Círculo Militar de Campinas, no Interior de SP.

A ação foi iniciada no sábado (10) e vai imunizar nesta etapa inicial secretários, auxiliares de serviços gerais, faxineiras, mediadores, merendeiras, monitores, cuidadores, diretores, vice-diretores, professores de todos os ciclos da educação básica, professores coordenadores pedagógicos, além de professores temporários com mais de 47 anos de idade.

No total, a campanha quer imunizar 350 mil profissionais das redes pública e privada. Um balanço preliminar da Secretaria Estadual da Saúde aponta que 70,3 mil trabalhadores foram imunizados até esta segunda-feira (12).

“É muito emocionante acompanhar o início do processo da vacinação da Educação. O Governo de São Paulo, ao priorizar e iniciar efetivamente a vacinação da nossa categoria, mostra que a educação é, de fato, atividade essencial. E o foco de tudo isso é recuperar o quanto antes a aprendizagem dos nossos estudantes, que estão sofrendo perdas gigantescas”, afirma o secretário Rossieli Soares.

Em Campinas foram vacinadas, Claudia Fernandes Ganzella, diretora do Ceeja Paulo Decourt; Maria Inês Faria Ribeiro, diretora da EE Prof. Ary Monteiro Galvão; Maria Rachel do Nascimento, professora coordenadora do Ceeja Paulo Decourt; Sérgio Roberto Bertoli, supervisor de ensino da Campinas Leste; e Maria Claudia Maia, supervisor de ensino da Campinas Leste.

“É muito emocionante poder ser vacinada porque não imaginávamos que seria agora. Quando vi a notícia de que seria antecipado para nós, profissionais da educação, fiquei muito feliz. Torcendo para que a vacina chegue logo para todos”, afirma Maria Inês Faria Ribeiro, de 60 anos, diretora da Escola Estadual Professor Ary Monteiro Galvão, em Campinas.

Outra profissional imunizada foi a diretora Mara Cristina Spalletta Cyrino, de 52 anos, da Escola Estadual Professor Luiz Gonzaga da Costa.

“Tomar a vacina hoje foi um momento de muito alívio. Os cuidados com todos os protocolos seguem porque é importante que 70% da população esteja vacinada, mas ficamos mais tranquilas porque lidamos com muita gente. O fluxo de atendimento é muito intenso, e ficamos expostos, por isso foi uma dádiva receber a vacina”, diz Mara Cristina.

Cerca de que 51,45% do total de servidores da rede estadual de Campinas tem mais de 47 anos e estão aptos à imunização nesta primeira fase da vacinação.

Escolas só retornam na próxima semana 

Em Campinas, um decreto municipal autorizou a retomada das atividades presenciais nas escolas estaduais somente na próxima semana. A rede estadual pode voltar a partir do dia 19 de abril; e as municipais no dia 26 de abril.

As unidades poderão atender o limite máximo de 35% dos alunos por dia, além de obedecer a todos os demais protocolos de segurança sanitária previstos no Plano São Paulo.

.

.

.

Governo do Estado de São Paulo

Publicidade
Publicidade

mais lidas