Siga nossa Redes

Mundo

Diretora da OMS minimiza casos de reinfecção do novo coronavírus

Redação

Publicado

em

Diretora da OMS minimiza casos de reinfecção do novo coronavírus

“Dos mais de 26 milhões de infecções registradas no mundo, houve apenas alguns casos de reinfecção, até agora não muito relevantes”, disse a norte-americana Maria Van Kerkhove

A diretora técnica da Organização Mundial da Saúde (OMS), Maria Van Kerkhove, disse ontem que, por enquanto, os casos de reinfecção do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no mundo são “quase irrelevantes estatisticamente falando”.

“Dos mais de 26 milhões de infecções registradas no mundo, houve apenas alguns casos de reinfecção, até agora não muito relevantes. Em todo caso, continuamos a estudá-los em conjunto com laboratórios de diferentes países”, afirmou a especialista.

Van Kerkhove destacou que até agora está comprovado que os pacientes infectados com o vírus criaram anticorpos. “Vemos resultados muito promissores, nos quais esta resposta (imunológica) dura vários meses, mas como estamos na pandemia há apenas oito meses, não podemos saber quanto tempo vai durar”, admitiu.

O Hospital das Clínicas de São Paulo, da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), abriu um ambulatório para pesquisar sete possíveis casos de reinfecção pelo novo coronavírus.

Os pacientes estão sendo acompanhados por uma equipe médica do hospital. Exames e pesquisas em laboratórios estão sendo realizados para confirmar ou descartar as suspeitas.

.

.

.

iG

Publicidade

mais lidas