Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Mundo

Decreto cria Embaixada do Brasil em Manama, capital do Bahrein

Publicado

em

Decreto cria Embaixada do Brasil em Manama, capital do Bahrein

Missão diplomática contribuirá para cooperação econômica entre países

Um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro cria a Embaixada do Brasil no Reino do Bahrein – país insular que fica no Golfo Pérsico, Oriente Médio, próximo a nações como Kuwait, Catar e Arábia Saudita. A representação brasileira ficará sediada em Manama, capital do país árabe. Até então, o Bahrein era representado, cumulativamente, pela Embaixada do Brasil no Kuwait.Decreto cria Embaixada do Brasil em Manama, capital do BahreinDecreto cria Embaixada do Brasil em Manama, capital do Bahrein

O Bahrein possui embaixada no Brasil, sediada em Brasília, desde 2018. As relações diplomáticas entre os dois países se estabeleceram em 1974.

Segundo o governo federal, a abertura de missão diplomática em Manama contribuirá para a promoção da cooperação econômico-comercial entre os dois países. A corrente de comércio bilateral é a sexta maior do Brasil com um país árabe do Oriente Médio.

A pauta exportadora brasileira para o Bahrein é concentrada em minérios, produtos químicos, ferro, aço e combustíveis minerais, que representam em torno de 90% do valor exportado. O agronegócio representa entre 8% e 9% do valor exportado, a maior parte em carnes.

“A presença de embaixada residente do Brasil na capital bahreinita facilitará a interlocução empresarial entre os dois países, contribuirá para a coordenação regional de atividades de promoção comercial e de atração de investimentos e pode favorecer a atuação local dos demais órgãos brasileiros envolvidos em atividades dessa natureza, como a Apex-Brasil. As tratativas em torno de protocolos e certificados também se beneficiarão da instalação da missão em Manama”, informou a Secretaria-Geral da Presidência da República, em comunicado.

Acordo aéreo

O presidente Jair Bolsonaro também promulgou um acordo sobre serviços aéreos com Bahrein nesta quarta. O texto já havia passado pelo Congresso Nacional. De modo geral, o acordo concede o direito de ambos os países venderem e comercializarem serviços de transporte aéreo internacional, diretamente ou por meio de agentes ou outros intermediários, incluindo o direito de estabelecer seus próprios escritórios, tanto como empresa operadora como não operadora, e usar documentação própria de transporte.

.

.

.

.

.

Agência Brasil

mais lidas