Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Da periferia ao pódio; conheça a história do piloto “Hamilton da favela”

Publicado

em

Da periferia ao pódio; conheça a história do piloto “Hamilton da favela”

por Andressa Zafalon

Da periferia ao pódio; conheça a história do piloto “Hamilton da favela”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Wallace Martins, 18 anos de idade, mais conhecido como “Hamilton da favela”. Assim começa a história do garoto negro da periferia de São Paulo, filho de um eletricista de manutenção do metrô de SP e de uma condutora de transporte escolar, Senhor Anderson Martins e Dona Maria Helena Martins.

Tudo começou em 2014, quando Wallace tinha 10 anos de idade e foi conhecer o Kartódromo Arena Schincariol, em Itu. O que era para ser somente uma brincadeira, acabou sendo o pontapé inicial de uma carreira de sucesso.
“De repente percebi que a sensação de acelerar já estava dentro de mim. Quanto mais eu acelerava, mais meu coração pulsava. Na classificação fiz a pole e então disse ao meu pai: é isso que eu quero para minha vida”, conta o garoto de 18 anos.

Após pegar gosto pelas corridas, Wallace passou a frequentar os Kartódromos mais baratos e mais próximos de onde morava. Com isso, o pequeno piloto foi ficando cada vez mais habilidoso até ser convidado para participar de um campeonato amador em Indaiatuba. As corridas que, até então eram sem pretensões, passaram a ser treinos visando os campeonatos.

O primeiro campeonato que participou foi em 2015, onde fez a pole e chegou em segundo lugar. Após esta primeira experiência, Wallace passou a participar de todas as corridas de indoor e teve a oportunidade de conhecer o Kartódromo de Interlagos (SP), onde participaria do primeiro treino de kart profissional.

Nesta ocasião, o “Hamilton da favela” treinou com outros 40 pilotos, fez a pole e chegou em primeiro lugar, sendo o campeão. Uma curiosidade é que Wallace, nesta época, não tinha as roupas e equipamentos apropriados do kart profissional e treinou somente com capacete e uma roupa comum. Mas isso não o intimidou.

 

Da periferia ao pódio; conheça a história do piloto “Hamilton da favela”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mesmo sem dinheiro, o piloto passou a fazer os treinos em Interlagos, até se aprimorar e ser convidado a participar do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro, em Volta Redonda. Para participar, Wallace tinha que arcar com os custos da viagem e, com muito sacrifício, os pais pagaram a corrida dele.

Com mais contatos e experiência, neste campeonato Wallace participou da corrida com todos os acessórios (macacão, luva, capacete, sapatinhas, bala clava, protetor de costela, de pescoço e kart) emprestados, pois os pais não tinham condições de comprar estes equipamentos.

O destino testava Wallace a todo momento, pois, no primeiro Campeonato em que fora participar, começou a chover e o jovem piloto nunca havia treinado na chuva. Mesmo assim, Wallace se destacou, fez um excelente tempo e chegou em segundo lugar na terceira etapa do Campeonato Estadual do RJ.

Daí para frente o “Hamilton da favela” foi pegando experiência, conhecimento e conquistando seu lugar nas corridas. Voltou para SP e, posteriormente, se inscreveu novamente no Campeonato do RJ (quarta etapa), onde chegou em terceiro lugar. No final de 2016, Wallace foi premiado pela Federação com terceiro melhor do RJ, mesmo não tendo participado de todas as corridas.

Aos 16 anos, Wallace estreou na Fórmula Vee, que é uma competição júnior de automobilismo disputada com veículos monopostos de baixo custo, sendo a maior categoria de monoposto do mundo. Inclusive, vale ressaltar que o grande piloto Nelson Piquet foi revelado nesta modalidade.

Wallace Martins tornou-se uma das principais revelações da história recente da Fórmula Vee. Em 2020, ele faturou sete vitórias na categoria e levou o título da FVee Júnior. O que lhe rendeu o apelido de “Hamilton da Favela”, pela semelhança com o piloto inglês e por sua origem humilde, no bairro da Brasilândia.

Da periferia ao pódio; conheça a história do piloto “Hamilton da favela”

Atualmente, com 18 anos de idade, Wallace Martins, o ‘Hamilton da favela’, disputa sua primeira temporada pela Fórmula Delta, que tem como objetivo e missão profissionalizar jovens pilotos que já possuem carreira no kart e querem aprimorar as suas técnicas para competir em outras categorias de automobilismo nacional ou internacional.

Essa categoria serve como base na formação de carreira, tendo baixo custo e sendo acessível a uma base ampla de pilotos. Com carros que se assemelham a um Fórmula 4, Wallace é um dos mais jovens e talentosos pilotos da categoria.

Em outubro de 2021, Wallace conquistou a primeira vitória na Fórmula Delta, de forma espetacular, conduzindo com maestria sob uma forte chuva no Velocitta, em Mogi Guaçu. “Espero que seja uma categoria que cresça muito e revele excelentes pilotos no automobilismo brasileiro, quanto mais difícil melhor. Quero ser campeão nessa categoria e espero aprender muito para levar esse aprendizado para uma categoria lá fora”, conclui o jovem piloto, Wallace Martins.

mais lidas