Siga nossa Redes

Destaque

Corinthians e Bragantino largam com empate sem gols no Campeonato Paulista

esportes

Publicado

em

Corinthians e Bragantino largam com empate sem gols no Campeonato Paulista

Cássio garante igualdade para o Timão em Bragança; é o terceiro 0 a 0 seguido do time de Vagner Mancini

Resumão

 

O Corinthians virou sinônimo de 0 a 0. Na tarde deste domingo, o Timão empatou sem gols com o Bragantino, em Bragança Paulista, na largada das duas equipes no Campeonato Paulista, e chegou ao terceiro jogo seguido sem ter o placar movimentado. E pode agradecer a Cássio (e ao VAR) por isso. O goleiro fez defesas seguras ao longo de toda a partida, e a tecnologia anulou um gol de Léo Ortiz quase no fim do jogo. O zagueiro estava impedido.

 

Na tabela

 

O Corinthians larga com um ponto no Grupo A e fica de olho nos jogos de Botafogo-SP, Inter de Limeira e Santo André, que começaram uma hora mais tarde, para saber a posição ao fim da rodada. O Bragantino, também com um ponto, é o segundo colocado no Grupo B, atrás do Novorizontino nos gols marcados. Palmeiras e Ituano, os outros integrantes da chave, ainda não jogaram na rodada.

Melhores Momentos: Bragantino 0 x 0 Corinthians pela 1ª rodada do Campeonato Paulista

Melhores Momentos: Bragantino 0 x 0 Corinthians pela 1ª rodada do Campeonato Paulista

Próximos jogos

 

O Corinthians agora tem um clássico pela frente. Na quarta-feira, às 19h, recebe o Palmeiras na segunda rodada do Paulistão – será a estreia do adversário no campeonato. O Bragantino, no mesmo dia e horário, visita o São Caetano.

O destaque

 

Melhor jogador, goleador e revelação do Campeonato Brasileiro, Claudinho manteve o alto nível no começo do Paulistão. Foi, junto com Cássio, o melhor jogador em campo. Distribuiu passes, participou de triangulações, finalizou a gol e representou o maior perigo para o goleiro adversário na partida.

Claudinho marca Lucas Piton em Bragantino x Corinthians

Claudinho marca Lucas Piton em Bragantino x Corinthians (Foto: DIOGO REIS/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO)

As novidades

 

Rodrigo Varanda, 18 anos, foi a grande novidade de Vagner Mancini no primeiro jogo da nova temporada. O jovem atacante começou como titular, se movimentou bastante, explorando jogadas pela direita e pelo centro, e quase marcou um gol no primeiro tempo. Ele representa aquilo que deve ser uma tendência em 2021 no Corinthians: o uso de jogadores saídos da base. Cauê, também atacante, também de 18 anos, foi outro estreante: entrou na etapa final, mas não conseguiu se destacar.

Rodrigo Varanda acompanha, se antecipa ao zagueiro e finaliza para fora aos 25 do 1º tempo.

Rodrigo Varanda acompanha, se antecipa ao zagueiro e finaliza para fora aos 25 do 1º tempo.

Outro 0 a 0

 

Foi o terceiro 0 a 0 seguido do Corinthians. Os anteriores tiveram forte impacto no Brasileirão: um praticamente rebaixou o Vasco na penúltima rodada e outro ajudou a tirar o título do Inter na última.

Cássio em Bragantino x Corinthians

Cássio em Bragantino x Corinthians (Foto: DIOGO REIS/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO)

Primeiro tempo

O Bragantino começou o jogo melhor. Com liberdade para trocar passes (o que rendeu broncas de Vagner Mancini em seus jogadores), avançou em campo, usando nomes como Claudinho e Artur, e forçou Cássio a trabalhar. O goleiro teve que fazer defesas sequenciais: primeiro em chute de Claudinho, depois em conclusão de Lucas Evangelista. O Corinthians, passados os sustos iniciais, conseguiu reagir. Posicionou-se melhor no ataque, passou a tramar jogadas e ameaçou com Léo Natel – que recebeu de Rodrigo Varanda e bateu rente à trave. O garoto, novidade no time, participaria de outro lance em seguida. Aos 25, apareceu na área e finalizou para fora. A reação corintiana deixou o jogo mais franco, com chegadas de lado a lado. Artur partia em velocidade de um lado; Varanda reagia de outro. Claudinho, sempre ligado, bateu cruzado aos 36, para fora, e depois errou a conclusão aos 38, após falha de Gil. Piton respondeu aos 47, em chute torto.

Lucas Evangelista, do Bragantino, chuta a gol contra o Corinthians

Lucas Evangelista, do Bragantino, chuta a gol contra o Corinthians (Foto: LUCIANO CLAUDINO/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO)

 

Segundo tempo

 

O domínio mostrado pelo Bragantino no primeiro tempo ganhou força no começo do segundo. O time da casa tomou conta do campo de ataque, cercou a área corintiana e ficou à espreita de uma chance para abrir o placar. Claudinho, aos dez, voltou a finalizar – e Cássio teve que defender em dois tempos. Vitinho, aos 16, perdeu chance clara ao receber (sempre ele) de Claudinho. Com o empate persistindo, os treinadores começaram a mexer as peças. Helinho entrou no Bragantino; Cauê, Gabriel Pereira e Gustavo Mosquito foram a campo no Corinthians. Mas as trocas não modificaram o desenho do jogo. O Bragantino continuou melhor – e quase chegou ao gol em chute de Helinho, novamente bem defendido por Cássio. O Corinthians, inoperante na frente, teve chance em bate-rebate após cruzamento. Jemerson acertou o peito de Raul na finalização. Aos 43, a superioridade do Bragantino até rendeu um gol de Léo Ortiz, mas o lance, após revisão do VAR, foi anulado – o que sacramentou o 0 a 0.

Bruno Mendez e Claudinho se desentendem em Bragantino x Corinthians

Bruno Mendez e Claudinho se desentendem em Bragantino x Corinthians (Foto: DIOGO REIS/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO)

.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.

Publicidade

mais lidas