Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Copa Africana: Camarões busca empate, vence Burkina Faso nos pênaltis e fica com terceiro lugar

Publicado

em

Governo enviou 300 servidores para ajudar em buscas no Amazonas

Em um jogo emocionante, Camarões venceu Burkina Faso nos pênaltis após empate por 3 a 3 no tempo normal e ficou com o terceiro lugar da Copa Africana de Nações. Os anfitriões perdiam por 3 a 0 até os 25 minutos do segundo tempo, buscaram o empate e bateram o rival nas penalidades.

Os anfitriões pouparam vários de seus titulares, inclusive a dupla Toko Ekambi e Aboubakar, que entraria no decorrer do jogo. Burkina Faso abriu o placar aos 24 minutos com Steev Yago, que completou de canhota um belo cruzamento de Kabore da direita.

Presidente da federação de Camarões, Samuel Eto'o vibra com os jogadores a conquista do terceiro lugar em cima de Burkina Faso — Foto: Mohamed Abd El Ghany/Reuters

Presidente da federação de Camarões, Samuel Eto’o vibra com os jogadores a conquista do terceiro lugar em cima de Burkina Faso — Foto: Mohamed Abd El Ghany/Reuters

Ainda na primeira etapa, os visitantes ampliaram com uma grande lambança do goleiro Onana. Após cruzamento da direita, o goleiro do Ajax tentou encaixar a bola, a deixou escapar e marcou contra para Burkina Faso. No começo do segundo tempo, Ouattara fez de cabeça após cruzamento de Traoré e abriu caminho para o que poderia ser uma goleada. Mas parou por aí.

A reação de Camarões começou aos 25 da segunda etapa. Bahoken aproveitou rebote dentro da pequena área e diminuiu. Aos 40, Aboubakar subiu alto em cobrança de escanteio e testou para o gol. Pouco depois, o artilheiro e capitão da seleção anfitriã garantiu o empate ao aproveitar um lançamento da defesa e uma saída errada do goleiro Ouédraogo: 3 a 3.

Aboubakar chegou aos oito gols e dificilmente perde o posto de artilheiro da Copa Africana. Sadio Mané, que disputa a final neste domingo, teria que fazer cinco gols contra o Egito para igualar o capitão camaronês.

A decisão do terceiro lugar foi direto para os pênaltis, e Onana se redimiu. Ele defendeu cobrança de Ibrahim Blati Touré e garantiu a vitória de Camarões por 5 a 3 nas penalidades.

Camarões termina em terceiro na competição pela segunda vez na história. A seleção tem cinco títulos e é a segunda maior vencedora da Copa Africana, atrás apenas do Egito. Neste domingo, os egípcios enfrentam Senegal, às 16h (de Brasília), e buscam a oitava taça. Mané e companhia tentam a primeira conquista.

Oyongo e Toko Ekambi vibram com vitória de Camarões nos pênaltis contra Burkina Faso — Foto: Kenzo Tribouillard/AFP

Oyongo e Toko Ekambi vibram com vitória de Camarões nos pênaltis contra Burkina Faso — Foto: Kenzo Tribouillard/AFP

.

 

.

 

.

GE

 

mais lidas