Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Cerrado supera batalha contra o São Paulo e estreia com vitória no NBB

Publicado

em

Cerrado supera batalha contra o São Paulo e estreia com vitória no NBB

Jogando no ginásio do Morumbi, equipe de Brasília leva a melhor na prorrogação por 78 a 76, em grande atuação de Ruan

Depois da derrota por 86 a 61 na estreia do NBB para o Flamengo, a torcida do São Paulo esperava, enfim, desfrutar do sabor da vitória no ginásio do Morumbi. Quando a bola subiu, no entanto, o que se viu foi uma verdadeira batalha em quadra. Um duelo que precisou ser decidido apenas na prorrogação, e que adiou a comemoração da equipe da casa. O responsável foi o Cerrado Basquete, que venceu os atuais vice-campeões por 78 a 76. Na primeira partida do time de Brasília na temporada, o grande destaque veio do banco de reservas.

Cerrado Basquete estreia com vitória no NBB — Foto: Reprodução/NBB

Cerrado Basquete estreia com vitória no NBB — Foto: Reprodução/NBB

Sob o comando do técnico Cláudio Mortari, o Tricolor modificou ainda mais o seu elenco rumo ao topo do basquete brasileiro. Do time vice-campeão nacional, ficaram apenas Shamell, Isaac e Bennet, cestinha da partida contra o Flamengo, com 24 pontos. Mesmo com a derrota na estreia, a chegada do ala Marquinhos ampliou as perspectivas do time, que ainda disputa a Champions League das Américas, torneio que chegou até as semifinais na última temporada. Um sinal desse novo cenário do clube é o título estadual faturado sobre o Franca, algo que não era visto desde o retorno de suas atividades, em 2019.

Se por um lado o São Paulo tenta se aproximar dos títulos no cenário nacional, pelo Cerrado Basquete a missão é atingir um caminho ainda mais longo do que aquele atingido na última temporada, quando terminou na 14ª posição. Para isso, a equipe trouxe novas peças, como o armador argentino Stefano Pierotti, os alas Rafa Moreira e Isaac Thorton, ala norte-americano, e seu compatriota Kenny Dawkins, pivô. Eles se juntaram a outros nomes importantes mantidos pelo time, a exemplo do armador Robsinho, os alas John Bomfim e Daniel Von Haydin, além do pivô Serjão e do ala-armador Paulo Lourenço.

São Paulo recebe o Cerrado pela segunda rodada da NBB — Foto: Reprodução

São Paulo recebe o Cerrado pela segunda rodada da NBB — Foto: Reprodução

Após perder novamente em casa, o São Paulo tentará a sua primeira vitória contra outro representante do Distrito Federal. A equipe viaja para a capital federal para medir forças com o Brasília Basquete. Já o Cerrado volta para a quadra apenas no dia 2 de novembro, quando recebe o Pinheiros.

O jogo

 

O técnico Cláudio Mortari manteve a escalação da estreia e apostou em Tyrone, Bennet, Elinho, Isaac e Marquinhos para iniciar o caminho rumo à primeira vitória na temporada. Pelo lado do Cerrado, o treinador Bruno Lopes reuniu duas novidades para o quinteto inicial. Um deles foi o ala Rafa Moreira, que terminou como cestinha do 1º quarto, com 11 pontos em 14 tentativas. Além dele, Kenny Dawkins, outro estreante, ex-Tricolor, Paulo Lourenço, Serjão e também Von Haydin ajudaram a equipe a levar a melhor por 22 a 20.

Apesar do início promissor no primeiro quarto, o São Paulo demorou a se reencontrar na partida. Ainda assim, conseguiu imprimir mais ritmo em tempo de mudar o panorama da partida. Apagado na estreia, Marquinhos chegou a 13 pontos no confronto, sob a regência de Elinho, com seis assistências. O técnico Bruno Lopes, encontrou no banco o caminho para impedir a aproximação do Tricolor. Com o pivô Ruan inspirado, com 11 acertos em 12 tentativas, o Cerrado fechou o primeiro tempo em 42 a 38.

Quando a bola subiu no segundo tempo, o Cerrado logo viu a diferença se transformar em desvantagem no placar. Melhor no terceiro quarto, o São Paulo ampliou o volume de jogo e encontrou no ala/pivô Tyrone o caminho para passar à frente. O norte-americano converteu sete de oito tentativas, e chegou a 14 pontos. Quando as equipes já almejavam a estratégia para o último período, Thorton recebeu falta de ataque e foi para os lances livres. Restando um segundo para o final do terceiro quarto, ele anotou mais dois e diminuiu a diferença pelo time de Brasília, com 56 a 54.

Na reta final, Tyrone e Ruan protagonizaram um duelo à parte no ginásio do Morumbi. Em um set disputado ponto a ponto, o Cerrado recuperou a superioridade no placar, mas o norte-americano do Tricolor respondia na mesma moeda, chegando a 21 pontos. A dois minutos do fim, no entanto, ele cometeu a quinta falta e deixou a quadra. Restando 49 segundos, o Verdão do DF passou na frente mais uma vez com Ruan, que chegou a 19 convertidos. Se por um lado o São Paulo não tinha mais seu ala/pivô estadunidense, Marquinhos tratou de colocar o tricolor em igualdade no jogo. O time paulista ainda teve a última posse, mas desperdiçou, levando os 68 a 68 para a prorrogação.

Nos últimos cinco minutos, o equilíbrio se manteve como a tônica do confronto. Ainda assim, a noite paulistana era do Cerrado Basquete, que viu Ruan chegar aos 23 pontos e oito rebotes, se tornando o cestinha da partida. Novidades para esta temporada, Rafa Moreira, com 18 pontos, e Kenny Dawkins, com 7, também ajudaram a equipe a sacramentar a estreia vitoriosa para a equipe da capital federal. Depois de três temporadas pelo Flamengo, Ruan, que está emprestado ao time de Brasília, ainda se emocionou ao celebrar a maior atuação da carreira.

– Esperei muito tempo por esse momento e consegui atuar da melhor forma. Meus companheiros de equipe acreditaaram em mim. Dei meu melhor em quadra e continuarei assim até o final da temporada. Só tenho agradecer a equipe, e ao Rodrigo, da base do Flamengo, que me acompanhou esse tempo inteiro, e a Deus também por essa caminhada que estou trilhando no Cerrado – disse o pivô.

Destaque do jogo, Ruan se emocionou após a partida — Foto: Reprodução/NBB

Destaque do jogo, Ruan se emocionou após a partida — Foto: Reprodução/NBB

NBB 2021/2022

 

Ao todo, 17 equipes iniciaram essa semana o caminho rumo ao topo do basquete brasileiro. Este ano, a temporada da NBB conta com representantes de sete estados, além do Distrito Federal. A fase de classificação conta com turno e returno. Os 12 primeiros se classificam para os playoffs. Os quatro primeiros passam direto para as quartas de final, enquanto os outros oito times disputam as oitavas.

Ao fim do primeiro turno, a Copa Super 8 dará uma vaga ao campeão na Champions League Américas, principal competição do continente. O torneio será disputado pelos oito melhores do NBB até então em janeiro de 2022.

.

.

.

Globo Esporte

mais lidas