Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Colunistas

Resenha com o Kascão: Carisma e identidade não se compram

Publicado

em

Por Renato Nalesso

Carisma e identidade não se compram

Resenha com o Kascão: Carisma e identidade não se compram

Começo minha coluna nesta segunda-feira fazendo uma dinâmica com vocês, caros leitores. Respondam com sinceridade, você sabia que a Seleção Brasileira enfrenta amanhã a Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Catar? Pois é, acho que a maioria dirá que não. Sabia que a Seleção do Tite quebrou o recorde do time do ex-técnico João Saldanha em 1970 e se transformou no melhor início da história do Brasil nas Eliminatórias da Copa? São 11 vitórias em 12 jogos. Nenhuma derrota. Está disparada na liderança da competição e tem praticamente a vaga assegurada no próximo Mundial. De qualquer forma, sejamos sinceros? Com exceção da própria Copa do Mundo alguém hoje realmente deixa de fazer algo para acompanhar algum jogo do Brasil? Difícil pensar isso, não é verdade?

A cada dia fica da vez mais claro que a nossa Seleção, tão exaltada em outros tempos, perdeu por completo a identidade e o carisma. Por mais que colecione bons resultados contra Seleções fracas e medianas, verdadeiramente não engrena. O motivo? Com certeza é a palavra DINHEIRO. Tanto da parte dos jogadores atuais, que ficaram milionários e não demonstram o menor interesse em vestir a camisa verde-amarela; quanto da parte da CBF que tem vários de seus ex-presidentes acusados de corrupção e foram banidos do esporte.

Por mais que eu não concorde, provavelmente o Tite será o comandante do Brasil na Copa. E fico pensando com meus botões o que seria necessário fazer para a nossa Seleção voltasse a ter a atenção e o carinho do povo brasileiro. Na minha opinião se o treinador se limitasse a convocar os melhores do momento – sem interesses esquisitos por trás -, dessem mais oportunidades a jogadores que atuam no Brasil e se apresentasse mais por aqui, talvez fosse um bom começo.

Resenha com o Kascão: Carisma e identidade não se compram

Como questionar um ídolo?

Que o Cássio é um dos maiores jogadores da história do Corinthians, isso pouca gente questiona. Esteve nas últimas grandes conquistas do clube e fazendo papel de protagonista. Estará para sempre no coração do torcedor corintiano. Mas vamos ser sinceros? Ele tem falhado em alguns lances cruciais nessa reta final de Brasileirão. Aliás, alterna falhas com grandes defesas, como na partida contra o líder Atlético/MG. Mas ainda assim, quem vai ter peito para colocá-lo no banco de reservas? O Sylvinho? Jamais! Na minha visão o Cássio tem uma imagem tão forte no clube que vai ser difícil negociá-lo ou aposentá-lo sem ele querer.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

_____________

Renato Nalesso é profissional de mídia desde 1999. Jornalista, pós-graduado e com passagens por Bandeirantes, Globo e Record. Exerceu por três anos a função de assessor de imprensa do Guarani Futebol Clube. Desde 2013 acumula as funções de editor-chefe e diretor do programa ‘Os Donos da Bola’ da Band, apresentado pelo ex-jogador Neto.

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

mais lidas