Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Boselli ganha demanda na Fifa, e Corinthians tem 45 dias para pagar dívida milionária

Publicado

em

Boselli ganha demanda na Fifa, e Corinthians tem 45 dias para pagar dívida milionária

Valores são relativos a salários atrasados que o jogador cobrou na entidade

O atacante Mauro Boselli, hoje no Cerro Porteño, do Paraguai, venceu uma demanda na Fifa em que cobrava valores atrasados do Corinthians, clube que defendeu nas temporadas 2019 e 2020.

Segundo decisão da Câmara de Resoluções de Disputas da Fifa, o Timão tem o prazo de 45 dias após ser notificado para pagar um somatório de 1,17 milhões de dólares em salários atrasados (R$ 6,4 milhões). Há também mais 5% de juros anuais acumulados sobre os valores.

O clube pode recorrer ao TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) em até 21 dias para tentar contestar a decisão.

O não pagamento acarretará na proibição da inscrição de novos jogadores até que a dívida seja quitada. Como a inscrição no Brasileirão está fechada, a punição só afetaria o clube a partir de janeiro de 2022. A sanção, porém, pode durar até três janelas consecutivas.

Mauro Boselli em treinamento do Corinthians — Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Mauro Boselli em treinamento do Corinthians — Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Em abril deste ano, em entrevista ao site 90 min, o jogador já havia admitido a dívida do Timão:

– O Corinthians ainda me deve um montão de dinheiro. Estamos vendo uma forma de poder saldar essa dívida.

 

Procurado pelo ge, uma pessoa próxima a Mauro Boselli confirmou que o jogador buscou a Fifa para receber valores atrasados. O Corinthians, por sua vez, não quis se manifestar de forma oficial.

Decisão a favor de Boselli e contra o Corinthians — Foto: Reprodução

Decisão a favor de Boselli e contra o Corinthians — Foto: Reprodução

Boselli deixou o Corinthians em dezembro. Disputou 72 jogos em duas temporadas, com 17 gols marcados. O jogador foi perdendo espaço com o técnico Vagner Mancini no Brasileirão. Com ideia de diminuir a folha salarial para 2021, a diretoria corintiana abriu mão da renovação e liberou o atleta.

.

.

.

Globo Esporte

mais lidas