Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Bolsonaro diz que estuda recriar Ministério da Segurança Pública

Publicado

em

Bolsonaro diz que estuda recriar Ministério da Segurança Pública

Nova pasta seria responsável pela Polícia Federal; segundo o presidente, Alberto Fraga, amigo pessoal, é ‘cotado’ para a vaga

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na terça-feira que estuda recriar o Ministério da Segurança Pública, desmembrando o atual Ministério da Justiça.

A nova pasta seria responsável pela Polícia Federal e pela Polícia Rodoviária Federal, entre outros órgãos. Bolsonaro disse que esse é um desejo da Frente Parlamentar da Segurança Pública e que pode conversar com o presidente da frente, o deputado federal Capitão Augusto (PL-SP).

“Existe a possibilidade. A tal da bancada de segurança tem essa intenção. Talvez eu converse com o Capitão Augusto essa semana. Se a gente decidir voltar, eu vou dar o nome do ministro antes de começar a tramitar o projeto para a gente evitar especulações. Tem que ser alguém que entenda o assunto, realmente, para ser ministro da Segurança Pública”, disse Bolsonaro, ao chegar no Palácio da Alvorada na noite de terça.

De acordo com Bolsonaro, o ex-deputado federal Alberto Fraga, seu amigo pessoal, é “cotado” para o cargo, mas não há definição. O presidente ressaltou que Fraga está “livre de todos os problemas”, em referência a sua absolvição em processos a que respondia.

“Fraga? Olha, eu sou amigo do Fraga desde 1982. Tenho que conversar com ele, porque vai estar abaixo dele a PRF, a PF. Não vou dizer que seja ele nem que não seja. Ele está livre de todos os problemas que teve. É um grande articulador. Ele é cotado, mas nada de bater o martelo”.

O Ministério da Segurança Pública foi criado pelo então presidente Michel Temer em fevereiro de 2018. Ano passado, contudo, ao assumir a Presidência, Bolsonaro extinguiu a pasta e a fundiu com o Ministério da Justiça. Em dezembro, o GLOBO mostrou que Bolsonaro estudava recriar o ministério e que cogitava coloca Fraga. Na época, o presidente negou.

Em janeiro, em reunião com secretários estaduais de Segurança Pública, Bolsonaro disse que iria estudar a recriação de um ministério para a área, uma das reivindicações trazidas pelos secretários.

No dia seguinte, a jornalistas, o presidente confirmou o estudo. Um dia depois, contudo, Bolsonaro recuou e disse que a chance de recriar a pasta era “zero”. O recuo ocorreu após o então ministro da Justiça, Sergio Moro, sinalizar que deixaria o governo caso isso ocorresse.

 

Agência Brasil

mais lidas