Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Dia a Dia

Após dois anos de obras antienchentes, avenida de Rio Preto é totalmente liberada

Publicado

em

Após dois anos de obras antienchentes, avenida de Rio Preto é totalmente liberada

Avenida Bady Bassitt passou por obras nos últimos anos. Comerciantes e motoristas reclamaram de tantas interdições da obra.

Depois de dois anos em obras, com muitos transtornos para motoristas, pedestres, comerciantes, foi totalmente liberado na manhã desta terça-feira (18) o trânsito na Avenida Bady Bassitt. A avenida é uma das principais de São José do Rio Preto (SP), sempre com muito movimento de carros, já que é uma ligação importante do centro à região sul e principalmente à rodovia Washington Luís.

As obras foram para tentar acabar com as enchentes que atingem a cidade, principalmente a avenida e também a avenida Alberto Andaló. Na Bady Bassitt, a execução do canal antienchentes totalizou mais de três quilômetros de extensão.

As obras na avenida foram iniciadas em maio de 2015, tiveram duração de 23 meses. Para a finalização das obras antichentes, falta apenas a execução de uma lagoa no bairro Tarraf II que segundo a empresa ficará pronta entre dois e três meses.

Segundo a prefeitura, esse foi o último trecho de obras, o asfalto é novo e parte da via foi recapeada. Porém a obra foi marcada por polêmica, já que comerciantes questionaram a eficácia das obras porque houve várias enchentes durante as obras.

O trânsito foi liberado em toda a extensão da avenida. Há 23 meses não era possível trafegar nela por completo, sempre havia um trecho em obras e interditado. Em maio de 2015 começaram as interdições para o início das obras. Um período de muitos transtornos para quem circulava por essa região da cidade.

Os comerciantes foram os que mais reclamaram. O bloqueio do trânsito dificultou o acesso às lojas e o movimento de clientes diminuiu bastante, o que resultou em prejuízo. “Tivemos muitos prejuízos, perdas, clientes indo embora, agora daqui para frente vamos tentar buscar os novos clientes”, afirma o empresário José Domingos Cocenzo.

mais lidas