Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Dia a Dia

APELO – Juíza ignora afirmação de vítima e mantém jovem preso

Publicado

em

APELO - Juíza ignora afirmação de vítima e mantém jovem preso

A própria vítima diz que viu os ladrões que o haviam assaltado na rua e percebeu que tinha identificado a pessoa errada.

Mesmo tendo um engano, que levou à prisão o vendedor Heverton Enrique Siqueira, 20 anos, esclarecido pela própria vítima, a Justiça mantém o rapaz preso há um mês. A confusão durou apenas um dia.

O jovem, que é negro foi detido pela PM (Polícia Militar) em 10 de outubro, acusado pelo roubo de um carro em Sapopemba, zona leste  de São Paulo, baseado em um reconhecimento pela vítima do crime feito na 69º DP.

A própria vítima, um motorista de aplicativo, conta que no dia seguinte viu os ladrões que o haviam assaltado na rua e percebeu que tinha identificado a pessoa errada. Tentou duas vezes mudar seu depoimento na delegacia, mas os policiais civis se recusaram a ouvi-lo. O motorista, então, escreveu em uma carta reconhecendo a inocência de Heverton, que foi anexada ao processo e ignorada tanto pelo MP (Ministério Público) quanto pela Justiça.

A juíza Teresa de Almeida Ribeiro Magalhães recusou um pedido de habeas corpus impetrado pela defesa para libertar Heverton, alegando que a mudança de posicionamento da principal testemunha do crime não trouxe qualquer “alteração fática ou jurídica”. Mantendo o trâmite esperado, a vítima do roubo só será formalmente ouvida em audiência marcada para o próximo dia 18, quando Heverton completará 39 dias preso.

Por Jair Viana – Diário de São Paulo

mais lidas