Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Corinthians e Palmeiras empatam em clássico marcado por manifestações contra ofensa de Chú a Paulo Gustavo

Publicado

em

Corinthians e Palmeiras empatam em clássico marcado por manifestações contra ofensa de Chú a Paulo Gustavo

Resultado mantém as palestrinas na liderança do Brasileiro Feminino; polêmica do dia causada pela atacante do Palmeiras foi lembrada pelo Corinthians antes do jogo

TOMA LÁ, DÁ CÁ

 

Um clássico entre Corinthians e Palmeiras já dispensa qualquer apresentação. Valendo a liderança do Brasileiro Feminino, então, é ainda mais especial. Não bastasse isso, o duelo deste domingo teve outro ingrediente: o comentário ofensivo da atacante Chú, do Palmeiras, sobre a morte do ator Paulo Gustavo. A polêmica do dia foi o pano de fundo do empate por 1 a 1 entre os times, no Parque São Jorge. Os dois gols saíram no segundo tempo: Bruna Calderan abriu o placar para o Palmeiras, e Vic Albuquerque marcou para o Timão. A igualdade mantém as palestrinas na liderança do torneio.

MANIFESTAÇÕES

 

Chú já tinha sido criticada por outras jogadoras, como Marta e Cristiane, além de próprias companheiras de equipe, por ter escrito num comentário nas redes sociais que Paulo Gustavo “foi para o inferno”. Ela gravou um vídeo com pedido de desculpas, mas o episódio foi lembrado pelo Corinthians duas vezes antes de a bola rolar.

Primeiro, o clube colocou nas redes sociais o aquecimento do time ao som de “Toda Forma de Amor”, de Lulu Santos, considerado um hino contra o preconceito.

 

Depois, com os times já posicionados para o jogo começar, as jogadoras do Corinthians fizeram corações com as mãos, e o registro foi para as redes sociais com os dizeres: “Seja amor, seja como for”.

 

COMO FICA?

 

O resultado mantém a diferença de um ponto entre as rivais. O Palmeiras, ainda invicto, tem 14, enquanto o Corinthians aparece logo atrás.

NA AGENDA

 

O próximo compromisso do Corinthians está marcado para quinta-feira, às 20h, contra o São José, fora de casa. Já o Palmeiras volta a campo na quarta, quando enfrenta o Real Brasília, às 15h, na Academia de Futebol.

 

PRIMEIRO TEMPO

 

Pela importância da partida para as duas equipes, a expectativa de um jogo mais estudado se confirmou no começo. Mas não demorou muito para os times se soltarem e apostarem em investidas no ataque, principalmente pelos lados do campo. Jogando em casa, porém, o Corinthians chegou mais vezes com perigo e teve pelo menos cinco chances de inaugurar o placar, mas parou nas boas defesas da goleira Jully, além de um corte providencial da lateral Bruna Calderan no último lance da primeira etapa.

Primeiro tempo terminou 0 a 0

Primeiro tempo terminou 0 a 0 (Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)

SEGUNDO TEMPO

 

O segundo tempo continuou aberto, mas com uma eficiência maior dos times nas conclusões. Logo no começo, Jully evitou o gol de Adriana em chute dentro da área. A resposta do Palmeiras foi letal. Após cruzamento de Bia Zaneratto, Bruna Calderan marcou de cabeça para abrir o placar, aos 10 minutos.

Bruna Calderan abriu o placar

Bruna Calderan abriu o placar (Foto: Thais Magalhães/ CBF)

Em busca do empate, o Corinthians rondava a área adversária, mas sem muito perigo efetivo até Vic Albuquerque, entrou durante o jogo, receber na área e igualar, aos 33 minutos. Nenhum time teve outra oportunidade clara na reta final.

Vic Albuquerque igualou para o Corinthians

Vic Albuquerque igualou para o Corinthians (Foto: Thaís Magalhães/ CBF)

.

.

.

Fonte: Ge – Globo Esporte.

mais lidas